segunda-feira, abril 04, 2011

Almanaque do Futebol Catarinense será lançado em Criciúma


Em agosto de 2010 fez cem anos que, pela primeira vez, se disputou um jogo de futebol em Santa Catarina. O centenário desta rica trajetória, e ainda carente de bibliografias, faz parte de muitas das histórias narradas em “Almanaque do Futebol Catarinense”, a obra que será lançada no próximo dia 7 de abril, em Criciúma. Os autores Zé Dassilva e Emerson Gasperin farão uma noite de autógrafos na Biblioteca Sebastião Netto Campos, na Satc, às 19 horas.

“Buscamos o corriqueiro e o especial, o fascinante e o simples de histórias que se perderiam com o tempo”, acentua o jornalista Zé Dassilva, um dos autores do livro.

Fatos dos mais inusitados foram encadeados na obra, que traduz os acontecimentos em uma linha do tempo e, nela, posiciona as principais decisões de cada ano. Em destaque, também, os diversos clássicos e os grandes momentos do futebol catarinense no Brasil e até fora dele, com natural ênfase à conquista da Copa do Brasil de 1991 pelo Criciúma.

Há, ainda, troféus pouco comuns erguidos por times de Santa Catarina, que constam no livro. Às vezes, a bola deu lugar a 22 expulsões em um jogo, ou o público parou diante da TV para assistir o árbitro que invadiu uma emissora de TV. Tudo isto no Almanaque, com a linguagem de quem pesquisou e, quando possível, testemunhou.

O lançamento, no dia 7 de abril, acontece na Faculdade Satc, a partir das 19 horas. No dia seguinte, os autores ministrarão a aula magna para os acadêmicos de Jornalismo.

Os Autores

Emerson Gasperin
Jornalista profissional pela UFSC, foi repórter em O Estado de S.Paulo, editor na Gazeta Mercantil e editor-chefe na revista Bizz. É autor do livro “Para Saber Mais – Reggae”, lançado em 2006 pela editora Abril. Também passou pelas redações de Diário Catarinense, Viagem & Turismo, Meio & Mensagem e iG, entre outras.

Zé Dassilva
Formado em Jornalismo pela UFSC e pós-graduado em cinema-documentário pela FGV, é autor-roteirista da TV Globo desde 2000 e chargista do Diário Catarinense desde 1998. Lançou, em 1996, “Histórias que a Bola Esqueceu” (sobre o Esporte Clube Metropol) e lançou um documentário sobre o tema em 2001. Na TV Globo, além de escrever para programas da linha de shows, criou charges animadas para o Esporte Espetacular, também veiculadas no programa de Armando Nogueira no SporTv. Em 2006, co-dirigiu o documentário As Donas da Bola, exibido pelo SporTv.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...