quarta-feira, maio 26, 2010

As piras de Marlon L: 26/05/2010



O tempo, aí esta uma das mais burras invenções da humanidade! Uma vida não pode, a meu ver, ser tão limitada. Quando vivemos em torno de algo que não existe, acabamos por pedir respeito e liberdade, afinal, com isso, nos aprisionamos! Não adianta ter fé, não adianta ajudar o próximo, alias quem é o próximo se no fim das contas vivemos um mundo que é só nosso? As dores particulares são sim as maiores, as alegrias as mais incontidas, a maior injustiça é a que cometemos com nós mesmos.
Isso não é egoísmo, é difícil de entender, acho que a infância é assim como estou tentando expressar. Claro que as pessoas crescem e amadurecem e o que as envolve muda, mas essencialmente temos domínio sobre tal caminho, nem por isso deixaremos de abrir mão de muitas sensações de prazer, o processo todo crescer e estar diante de si é uma liberdade saudável de se permitir felicitamente um momento triste ou a explosão de dizer: “Eu sou feliz!”.



Tente não falar como foi o seu dia, quando se recapitula as coisas elas fatalmente se repetem.
Pegue uma quarta-feira,sirva-se com um bom vinho vá para a rede do seu jardim olhar para o céu estralado e dormir, ligue para alguém e de um animado boa noite.



Seja paciente com te considera, quem te considera vive num mundo que não é o seu, mas estique a mão mesmo sem aparente necessidade. Parem de ir madrugada a dentro pensando em suas vidas e no que tem que fazer para que tudo melhore, não é assim que se faz algo por alguém, as coisas só melhoram quando fazemos por nós mesmos.



Sexo é troca, inconformidade, é o prazer que se oferece. É explosão em instantes de loucura, uma conversa sarcástica sincera, uma falsa mentira. Sexo é uma história, um labirinto, um encontro separado. Sexo são as taças de vinho depois de um dia de trabalho. Fazer sexo é amar, fazer sexo é entrega, é tanta coisa que fazer amor é inexplicável.

Amizade é permissão que damos de nos incomodarem, é invasão e um ombro. Amizade é ‘palavrão’ e as concretas conversas de mesa de bar ao som de um belo blues da década de 60, 70...! Amizade é um ponto que existe dentro de nós e que outra tal pessoa faz com que vejamos o quanto podemos ser nossos mesmos. Toda raiva, todo choro, toda indignação é uma linda declaração de amizade que diz: “Eu te amo”.



“Porra”... Tenho visto na mídia crianças sendo espancadas física e verbalmente, será que tantas pessoas são assim tão mesquinhas resultando do que já passaram? Mas não somos capazes de dissociar o que passamos do que queremos para nossos filhos e nossas crianças? Criem e eduquem, é melhor e mais saudável do que domar o nosso futuro.

Pensar no futuro, além da ausência de passado é a completa falta de vivencia do presente, viver não é um tempo nem um momento, viver é uma duvida e a falta de explicação já que tantas “certezas” vivem sufocando o dia-a-dia.

É estranho disser que viver é uma contradição, deveria ser uma lógica.

Não sei por que intitulei esses posts de “As piras de Marlon L” (Risos!)

Beijos e abraços, com afeto e respeito,
Marlon L.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...