segunda-feira, outubro 11, 2010

12 de outubro, aproveitadores se aproveitam da fragilidade das pessoas

As pessoas vão ao templo, seja de qual religião for, para resolver os problemas materiais e não os da alma. Os pastores e padres se aproveitam muito disso, utilizando-se da cultura do dizimo ou pelas contribuições espontâneas. Talvez por isso o Vaticano seja o país mais rico do mundo e que bispos tenham rede de televisão.

“Tirai tudo isto daqui; não façais da casa de meu Pai uma casa de comércio” (Jo 2,16). Lembrei dessa frase que se adapta perfeitamente ao que digo.


É claro que a religião tem que se modernizar, mas existem outros meios além dos de tornar a religião uma ordem capitalista e padres ou pastores em estrelas pop.
Não creio que existisse esse “consumo de Fé” se as crianças fossem incentivadas a conhecer mais as religiões e fazer suas próprias escolhas ao invés de serem cobradas a terem uma opção escolhida.

A corrupção nessas áreas da vida é o que justifica a mesma nos meios políticos. Como viver numa comunidade justa se trabalhamos em cima de soma de favores? Uma mão lava a outra, com água podre, lágrimas de um mundo que na verdade é plenamente justo!

Por,

Marlon L
@MarlonL_

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...